Pular para o conteúdo principal

Utopia: Novo álbum de Björk será lançado em 24 de Novembro

FOTO: Maisie Cousin - inter/VIEW magazine

Segundo as revistas Spex Magazine e Télérama, que trará uma entrevista com Björk a ser publicada em 3 de novembro, que já está disponível apenas para assinantes, o novo álbum da islandesa será lançado em 24 de novembro, e terá 14 faixas. A capa ainda não foi revelada.

Confira alguns trechos da conversa:

"Chamei o álbum de "Utopia" porque é tudo sobre manter a esperança. Com este álbum, queria que minha música entrasse em um novo mundo onde descobriremos animais e vegetação desconhecidos. Algo como quando o irreal se torna realidade, tal qual acontece com as nossas emoções".


Em depoimento ao site italiano Giornale di Brescia, a engenheira de som Marta Salogni contou que mixou canções para o "Utopia". Ela já trabalhou com diversos artistas como The XX, Kelela, FKA Twigs e Goldfrapp:

"Eu estava trabalhando em estúdio quando o empresário da Björk me contatou para me perguntar se eu tinha duas "faixas teste" para mixar. Eu quase não acreditei! Fiz o que me foi pedido e, depois de alguns dias, a própria Björk me convidou para ir até a Islândia para mixar seu novo álbum. Passei três semanas em agosto lá com ela. Trabalhamos muito e saímos juntas. Ela é uma pessoa fantástica e muito generosa, além de uma artista extraordinária. Mixar canções para ela foi como transferir para uma tela o que ela pintou na minha frente com suas palavras ao longo dos anos".

ATENTOS:

Há algumas semanas, um usuário do fórum Reddit fez um post em que dizia já ter escutado o novo álbum, inclusive acertando que terá 14 faixas. Bom, até agora não podemos confirmar se estes rumores são reais, mas ele divulgou o nome de algumas possíveis canções, e ainda disse que o disco tem mais de 1hr de duração: "Body Manners", "Loss", "Courtship", "Utopia" (sim, uma faixa-título), "Arisen" e "Future Forever". Vocês sabem que não costumamos publicar nada deste tipo, mas como ele fez um gol acertando o número de canções da tracklist...

SHOWS:

A primeira data de um show da islandesa para 2018 também já foi confirmada! Björk será uma das headliners do festival All Points East, que acontecerá em Londres, no dia 27 de maio, no Victoria Park. Amanhã (31/10) e em 03/11, a islandesa se apresentará na Geórgia com mais dois shows acústicos do "Vulnicura Strings". Será que ela vai encerrar de vez essa turnê? Veremos...

Enquanto isso...

O VR de "Notget", dirigido por Warren Du Preez e Nick Thornton Jones, está competindo na categoria de "Melhor Trabalho em Realidade Virtual" no Festival Internacional de Cinema de Genebra, que acontecerá entre 3 e 11 de novembro em Genebra.

Saiba mais:

- 10 anos de Volta Tour no Brasil!

Comente com outros fãs:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Museu da Imagem e do Som confirma a exposição "Björk Digital" em São Paulo

Inédita no Brasil, a exposição Björk Digital celebra o trabalho e o universo criativo da artista islandesa. Dividida em sessões compostas por experiências de realidade virtual e elementos audiovisuais imersivos, a mostra chega ao MIS em junho, depois de passar por cidades como Tóquio, Sidney e Londres.
Trazida em parceria com a produtora Dueto, a exposição é apresentada pelo Ministério da Cidadania e Vivara, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. O MIS é uma instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

Detalhes sobre datas e ingressos ainda não foram revelados.

A informação já havia sido adiantada em julho do ano passado na coluna de Lauro Jardim no Globo. A Dueto, produtora de Monique Gardenberg, foi a responsável por dois dos três festivais que trouxeram nossa amada ao Brasil. Aliás, em 2007, quando esteve no país com o show Volta, a cantora também compareceu à pré-estreia do filme O Passado, do diretor Hector Babenco, como convidada de M…

Cineasta argentina Lucrecia Martel, dirigirá novo show de Björk

Cornucopia, o novo show de Björk, estreia em maio no The Shed, em Nova Iorque! Inclusive, esse lugar que receberá a mini residência promete ser um dos espaços culturais mais importantes da cidade, principalmente por ter a capacidade de se transformar fisicamente ao criar ambientes dinâmicos de acordo com as visões dos artistas que ali aparecem nos próximos anos. 
A temporada de oito concertos ganhou novos detalhes muito interessantes. A cineasta argentina Lucrecia Martel se juntou ao time de colaboradores da islandesa e dirigirá o espetáculo. 


Internacionalmente reconhecida como uma das mais importantes peças do cinema latino-americano, Martel obteve sucesso de crítica em seu trabalho, incluindo Zama, seu mais recente filme lançado em 2017. Entre suas obras, destacam-se também: La Ciénaga (2001), A Menina Santa (2004) e A Mulher sem Cabeça (2008). Confira mais detalhes clicando aqui
Lucrecia e a Rei Cine, produtora argentina que a representa, emitiram uma declaração à imprensa desta…

Edital do CCBB indica que a exposição Björk Digital virá ao Brasil

E não é que era verdade mesmo? Em julho, em sua coluna no O Globo, o jornalista Lauro Jardim comentou em primeira mão sobre as grandes chances da Björk Digital passar pelo Brasil. 
Na época, as negociações já estariam bem avançadas e na fase de captação de recursos. Ele citou a produtora Dueto, de Monique Gardenberg, como uma das interessadas em trazer a mostra ao país. Em 2007; a diretora, produtora cultural e cineasta brasileira convidou junto do diretor Hector Babenco a própria Björk para a pré-estreia do filme "O Passado", quando a cantora esteve no Brasil com a turnê do álbum Volta. As duas já se conheciam das outras passagens da artista por aqui, em 1996 e 1998 com os shows de Post e Homogenic. A Dueto Produções foi, inclusive, a responsável por dois dos três festivais que a trouxeram ao Brasil.
No entanto, na tarde de hoje (28/11), fomos surpreendidos com a possível indicação de que tudo realmente vai acontecer, mas com a ajuda também de outras pessoas! O projeto é c…